Conheça 7 alimentos que parecem saudáveis, mas não são!

alimentos que parecem saudáveis mas não são
6 minutos para ler

A busca por uma dieta mais equilibrada vem sendo uma demanda constante da sociedade atual, uma vez que as escolhas que fazemos em nossas refeições têm influência direta não apenas em nossa saúde, mas também na qualidade de vida como um todo. Por isso, é muito importante saber que existem alimentos que parecem saudáveis, mas não são!

A indústria alimentícia se aproveita dessa nova necessidade e oferece produtos que podem até ter um conceito interessante, com mudanças na composição ou com a exclusão de componentes nocivos. No entanto, é preciso ter olhos atentos para perceber se não são adicionados outros ingredientes para contrabalancear. Continue lendo e veja alguns exemplos!

1. Barrinhas de cereais

As famosas barrinhas de cereais são uma verdadeira febre nas academias de ginástica e realmente têm alguns benefícios em termos de praticidade e até de nutrição, pois algumas marcas contam com boas quantidades de fibras e vitaminas e com baixas calorias. Além disso, podem ser bastante saborosas, representando uma opção apetitosa para lanches rápidos ou pequenas refeições.

No entanto, elas podem esconder componentes nada interessantes em sua composição. Algumas levam bastante chocolate, ficando cheias de açúcares e gorduras, especialmente a saturada. Por isso, é muito importante dar uma checada na embalagem e ler a tabela nutricional, evitando também o excesso de sódio e de conservantes.

2. Refrigerantes zero

Os refrigerantes zero são uma verdadeira “bomba” quando pensamos em termos de saúde. Eles chegaram ao mercado sob a alegação de não conterem calorias, o que realmente é verdade, mas existe muita coisa além disso. Esse tipo de bebida, como se sabe, é repleto de outros componentes em suas formulações, que são potencialmente nocivos para a saúde.

Entre os mais perigosos, estão os corantes, os acidulantes e os conservantes, todos em grandes quantidades. Os adoçantes utilizados também são um problema, pois a absoluta maioria das marcas opta pelos mais baratos e não pelos mais saudáveis. Isso para não falar das altas taxas de sódio, que podem aumentar a pressão arterial e a retenção de líquidos.

3. Peito de peru

O peito de peru é uma opção muito prática e saborosa para o lanche, sendo considerado um substituto mais saudável para outros frios, como o presunto e a mortadela. Realmente, ele tem vantagens em relação à quantidade de calorias e a uma menor presença de gorduras saturadas, mas isso não quer dizer que seja propriamente saudável e livre de riscos.

Trata-se de um alimento embutido, ou seja, carregado de sódio. Além disso, pelo seu próprio processo de produção, ele tem os chamados nitritos e nitratos, que são substâncias químicas que podem estar relacionadas com o desenvolvimento de alguns tipos de cânceres. Por isso, é melhor evitar o consumo frequente e apostar em opções mais naturais. 

4. Sucos de caixinha

Você descobriu que o refrigerante light não é uma opção saudável e resolveu mudar para os sucos de caixinha? Então, é importante saber que a troca pode não ser tão vantajosa quanto parece. Em linhas gerais, esse tipo de produto conta com uma quantidade considerável de açúcar, o que faz com que seja bastante calórico e prejudique uma alimentação saudável.

Além disso, a maioria das marcas do mercado — mesmo as versões light — conta com aditivos químicos em sua composição, como corantes, conservantes e sódio. É muito melhor comer a polpa ou as frutas em si, pois elas ajudam a promover a saciedade, são totalmente naturais e mantêm as fibras, que seriam perdidas nos processos de industrialização.

5. Pão integral “falso”

Muitas pessoas passaram a incluir o pão integral em sua alimentação, buscando uma alternativa mais saudável para o dia a dia. Ele realmente tem algumas vantagens em relação à versão tradicional, mas é preciso atentar à sua composição e aos nutrientes que estão presentes em sua fórmula, pois algumas marcas não são tão interessantes assim.

Muitas opções que encontramos nas gôndolas e nas prateleiras são preparadas com grãos refinados, que perdem as fibras e não contam com nenhuma propriedade benéfica. Mais uma vez, o importante é verificar o rótulo e a lista de ingredientes, observando o tipo de farinha, as calorias e as demais características, vendo o que está presente em maiores quantidades.

6. Sopas de saquinho

As sopas de saquinho são mais um produto desenvolvido para quem está em busca de mais praticidade. No entanto, apesar do apelo saudável que muitos desses itens têm, eles podem conter ingredientes nocivos em sua composição e, até mesmo, contribuir para o agravamento de algumas doenças crônicas, como a hipertensão arterial.

Isso ocorre porque as sopas de saquinho estão entre os alimentos com maiores quantidades de sódio do mercado. Além disso, elas contam com outros aditivos químicos adicionados nos processos de industrialização. Entre eles, estão os corantes e os conservantes. Ademais, elas não têm fibras ou quantidades relevantes de outros nutrientes importantes, como as proteínas.

7. Chocolate diet

Por fim, não poderíamos encerrar esta lista sem falar de um dos alimentos favoritos dos brasileiros: o famoso chocolate. Bastante saboroso e capaz de agradar até aos paladares mais exigentes, ele também costuma ser muito rico em calorias, podendo favorecer o ganho de peso em quem tem uma dieta desequilibrada ou conta com uma predisposição genética para a obesidade.

Por isso, foram criadas as versões diet. Em linhas gerais, elas não contam com açúcar em sua composição, mas existem outros itens que são adicionados para compensar essa ausência. Usualmente, os níveis de gorduras são aumentados, o que também eleva o valor calórico. A melhor alternativa, portanto, é comer com parcimônia e apostar nas opções ricas em cacau.

Como você pôde ver, existem muitos alimentos que parecem saudáveis, mas não são. Isso não quer dizer, contudo, que devam ser completamente excluídos da alimentação, mas, sim, que devem ser consumidos com cautela e esporadicamente. Lembre-se de que uma alimentação equilibrada é essencial para a prevenção de diversas doenças e para uma boa qualidade de vida!

Gostou de aprender um pouco mais sobre quais são os alimentos que parecem saudáveis, mas não são? Quer receber mais conteúdos como este em primeira mão, inteiramente grátis? Então, não perca mais tempo: assine a nossa newsletter!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Marque sua consulta pelo WhatsApp!