Descubra o que é micropigmentação e as suas vantagens

o que é micropigmentação
3 minutos para ler

Os procedimentos estéticos têm avançando nos últimos anos e, hoje, já é possível alcançar resultados naturais e que devolvem a autoestima e a qualidade de vida das mais diversas pessoas, mesmo quando passam por momentos difíceis.

Pensando nisso, preparamos este post para explicar o que é micropigmentação, suas vantagens e como ela pode ser proveitosa para pacientes oncológicos. Ficou curioso? Continue a leitura do artigo!

Como funciona a micropigmentação?

A micropigmentação é um procedimento estético que consiste na aplicação de tinta na pele. Usualmente, é feita nas sobrancelhas, para ressaltar a região, delineando e corrigindo eventuais falhas. Ao contrário da técnica chamada de maquiagem definitiva, o resultado aqui só dura alguns meses.

Um bom profissional utiliza o pigmento exato na cor dos pelos, incluindo orgânicos e inorgânicos. Além disso, ele também avalia as características da pessoa, sobretudo do rosto, para que tudo fique mais harmonioso. É uma opção que vem ganhando espaço entre pacientes oncológicos, principalmente mulheres, sendo parte do processo de reconstrução mamária.

Quais os tipos e quem pode fazer?

Existem tipos diferentes de micropigmentação e a escolha deve ir de acordo com a melhor alternativa para alcançar o efeito desejado, seja nas sobrancelhas ou na reconstrução da aréola mamária, por exemplo. Entre as opções mais comuns estão a compacta, que deixa a região bem marcada, a shadow, que dá um efeito mais leve, e a 3D, que dá um leve efeito de sombreado ao fundo.

O procedimento é muito seguro e pode ser feito, inclusive, por gestantes com câncer, diabéticos e quem faz uso de anticoagulantes. No entanto, para isso, é imprescindível que haja o devido acompanhamento e a liberação médica, o que é bastante comum, se considerarmos que há um excelente ganho em termos de autoestima e autoconfiança nas pacientes.

Quais os cuidados ao fazer micropigmentação?

A micropigmentação tem uma boa durabilidade, mas não é definitiva. Em linhas gerais, os efeitos permanecem entre seis meses a dois anos, não sendo necessário fazer retoques ao longo desse período. Entretanto, é comum que o profissional marque um retorno no primeiro mês, para fazer uma avaliação e pequenas correções.

São dadas algumas recomendações simples depois do procedimento para ajudar na fixação do pigmento, como evitar esfregar a área pigmentada com as mãos por algumas semanas, pegar leve com a alimentação e não utilizar produtos com ácido no local. Passado o período inicial, é só levar a vida normalmente, curtindo um incrível resultado.

Agora você já sabe o que é micropigmentação e quais as suas vantagens. Como você pôde ver, esse é um procedimento comum e seguro, que pode devolver a autoestima das pessoas mesmo em momentos delicados, Mas lembre-se: só deve ser feito com a devida autorização do médico, principalmente quando o paciente estiver realizando tratamentos.

Gostou de descobrir o que é micropigmentação? Ainda ficou com alguma dúvida ou quer deixar sua sugestão? Então, não deixe de fazer seu comentário aqui no post!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Marque sua consulta pelo WhatsApp!